sábado, 30 de novembro de 2013

Kelli aprendendo a usar o Skype

Mudamos o foco das atividades, com a Kelli, na Sala Multifuncional. Como as férias estão se aproximando, estamos trabalhando com ela o uso do Skype como meio de manter contato conosco e com os amigos através do computador.
Acredito que esse recurso irá contribuir para o amadurecimento da Kelli, pois estará colocando em prática o que foi trabalhado com ela durante o ano, no que se refere ao uso do computador; despertando o interesse em aprender e pesquisar na internet;  fazendo novas amizades, e principalmente, saindo do mundinho fechado que ela vive e descobrindo que a cegueira não é empecilho para se comunicar, estudar, conhecer pessoas... viver....

Kelli aprendendo a usar o Skype com o seu Vilmar Dal Toé.
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

sexta-feira, 29 de novembro de 2013

Caça Palavras de tampinhas

 Bruno trabalhando com o caça-palavras.
Nesta atividade ela tinha que ler as palavras na cartela e depois procurar no caça-palavras.
Ideia retirada do blog do professor phardal e que as crianças adoram!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

quinta-feira, 28 de novembro de 2013

O papel do Pedagogo no processo de Reabilitação de Pacientes com Baixa Visão

Reflexões a respeito da melhoria da Qualidade de Vida

Raquel Rosendo da Silva e Luciana Câmara Fernandes Bareicha


Resumo

A presente pesquisa teve como objetivo geral descrever o papel do pedagogo relacionado à qualidade de vida, obtido após o processo de reabilitação visual em pacientes com baixa visão. Uma revisão bibliográfica foi realizada na área da reabilitação visual. A pesquisa de cunho qualitativo, se realizou no Hospital CBV - Centro Brasileiro da Visão, um Hospital Oftalmológico privado localizado em Brasília - DF ,com base em entrevistas semi-estruturadas com roteiro flexível em 10 pacientes com baixa de visão devido à DMRI (Degeneração Macular Relacionada à Idade). De acordo com as respostas, os autores analisaram a melhoria da qualidade de vida obtida após a estimulação visual em vários aspectos, tais como: acesso a leitura, dificuldade de visão televisiva, capacidade de assinatura, relações sociais, resgate da memória afetiva e independência. Ficou evidente a melhora da qualidade de vida após a reabilitação visual, podendo mostrar a capacidade do pedagogo em reabilitar uma pessoa com deficiência a viver melhor e valorizar o que tem de resíduo visual.

1 - Introdução

O mundo é belo. Magnífico é poder vê-lo: contemplar tal beleza. Logo, a visão é indubitavelmente, muito importante para a qualidade de vida. Por meio da visão é possível sanar a necessidade de compreender o que acontece ao redor, perceber as formas e o colorido das coisas, observar detalhes e interagir-se com o outro facilmente.
Dessa maneira consideramos a necessidade de conhecer a criança ou o adulto, que não consegue desfrutar da sua visão com total potencialidade. A visão ocupa um lugar de destaque em relação ao tato, olfato, paladar e audição, pois, sem ela, os outros sentidos recebem as informações de percepção com maior dificuldade. Os sentidos funcionam de maneira complementar e não isolada. É importante conhecer o indivíduo sem dificuldade visual e aquele que não consegue ver de maneira alguma, entretanto não se pode esquecer aquele que possui baixa visão. Este é, pois, o tema desse trabalho.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

sexta-feira, 22 de novembro de 2013

MATIX: um jogo de inteligência para adultos e crianças.

1 tabuleiro de 64 casas (8x8)
64 tampinhas de refrigerante

O Matix é um quebra-cabeça que tem por objetivos:
* favorecer o desenvolvimento do pensamento matemático, 
* auxiliar no processo de generalização matemática;
* promover o desenvolvimento do raciocínio, exercitando e estimulando um pensar com lógica e critério, interpretando informações, buscando soluções, levantando hipóteses e coordenando diferentes pontos de vista.
Durante a partida, os jogadores têm a possibilidade de desenvolver sua capacidade de antecipar jogadas e de estabelecer estratégias de ação.  
O jogador deverá fazer o maior número de pontos somando as peças de valor positivo e subtraindo as de valor negativo,inclusive criando “armadilhas” para o adversário.
Tabuleiro do Jogo Matix

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

terça-feira, 19 de novembro de 2013

Dudu: "O que me deixa feliz".(continuação)

Continuando o trabalho onde Eduardo representou, através de desenho, o que o deixa feliz.
Nesta etapa ele coloriu a margem do desenho usando giz de cera verde. Logo depois fomos para o computador "digitar o texto". Fui fazendo as perguntas, e a medida que Eduardo ia respondendo eu ia escrevendo com pincel atômico numa folha. Eduardo acompanhava minha escrita e depois digitava cada frase no word.
Após concluído a atividade, imprimimos o texto e Dudu fez o acabamento colorindo a margem da mesma cor do desenho.



Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

terça-feira, 12 de novembro de 2013

Quebra-cabeça

Mateus estava animado para trabalhar com quebra-cabeças. Primeiro montou o "casal de cachorros", depois pediu o de "sapos" e encerrou com o "casal de ratos".
Comprei estes quebra-cabeças no site da "Casa do Educador". São materiais de excelente qualidade, feitos em mdf. Cada jogo vem com um tabuleiro, em fundo relevo, onde o quebra-cabeça será montado. As peças são em tamanho grande, de fácil encaixe e bem coloridas, o que atrai a atenção das crianças.


Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...